Agências de turismo lucram com o Corinthians no Mundial


FOTO

Torcedores elevam movimentação ao fechar pacotes que custam a partir de US$ 2.500

As operadoras de turismo comemoram junto com os torcedores. A ida do Corinthians ao Campeonato Mundial de Clubes, no Japão, alavancou o movimento dos estabelecimentos de pequeno porte que venderam pacotes para levar os fanáticos à Ásia.

A TGK Turismo, localizada na capital paulista, comemora o crescimento nas vendas e no faturamento e, principalmente, a divulgação do nome do negócio. O pacote de maior sucesso foi o terrestre, que inclui sete noites de hospedagem, transfer do hotel para o estádio, ingressos dos jogos e acompanhamento de guia brasileiro, por US$ 3.454. De acordo com a porta-voz da TGK, a preferência pelo pacote, que não inclui as passagens aéreas, pode ser explicada pelo uso de milhagens. Há, ainda, os torcedores que aproveitaram a ida à Ásia para conhecer outros países além do Japão. Por isso, preferiram embarcar antes. A TGK negociou com os corintianos desde julho até a primeira semana de dezembro – a operadora supõe que os retardatários que compraram os serviços neste mês aproveitaram o 13º salário para gastar com o futebol.

Outra operadora de turismo que lucrou com os fiéis torcedores foi a Shigoto, especializada em trajetos ao Japão. Foram aproximadamente 170 pessoas dispostas a pagar US$ 4.600 para viajar de avião, hospedar-se em um hotel quatro estrelas em Tóquio, ter transfer interno e guia brasileiro. “Foi um absurdo o que vendemos. A procura pelos serviços de turismo cresceu 800%”, diz Cori Passos, gerente administrativo.

Os turistas também aproveitaram a mediação das agências para facilitar o processo do visto japonês, necessário para a entrada no país. A TGK, fundada por nipônicos, afirma que ofereceu mais facilidades para conseguir a documentação. A Shigoto prestou assistência para 4.000 pessoas tirarem o visto nesse período. “A procura aumentou 1.500%”, afirma Passos. Ambas cobraram R$ 200 pelo serviço, com a taxa consular incluída. O prazo costuma ser de dois dias úteis.

Oficial

A CVC é a operadora de viagens da Vai Corinthians, agência do time. Pelo porte maior, a organização exigiu 26 diferentes pacotes para o Mundial, que variaram de US$ 2.558 (terrestre) a US$ 4.708 (aéreo, hospedagem, traslados e assistência). Foram reservados mais de 30 voos e disponibilizados 40 guias turísticos de suporte para atender aos 2.000 que já viajaram ao Japão. De acordo com a rede, quem mais comprou os pacotes foram famílias corintianas, de classes A e B, atraídas pela divulgação das promoções em jornais, redes sociais e anúncios.

http://revistapegn.globo.com

BY TURISMOMT

NOVA ARTE TURISMOMT RGB

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: