Emenda prevê R$ 2,5 milhões para reurbanização de Orla Turística

Museu do Rio Cuiabá e Aquário Municipal

Museu do Rio Cuiabá e Aquário Municipal

 

O projeto compreende a criação de um parque linear ao longo da avenida, com a instalação de ciclovia, pista de corrida e infraestrutura sanitária.

Emenda de R$ 2,5 milhões para obras de reurbanização da orla turística do Rio Cuiabá, no bairro Porto, foi incluída no Orçamento Geral da União (OGU) para 2013. A articulação foi feita pelo senador Pedro Taques (PDT) e faz parte de um conjunto de ações de apoio à Copa 2014. “A revitalização desta importante avenida da região e sua integração com o Rio Cuiabá incrementará o potencial turístico e iniciará o resgate de uma importante região histórica da cidade”, frisa o pedetista.

Em conversa com o prefeito eleito de Cuiabá, Mauro Mendes (PSB), Taques adiantou o cadastro dos projetos básicos que serão contemplados com recursos da União, como estudo de impacto ambiental e as diretrizes do que pode ou não sofrer intervenções na região. “Nos quase 300 anos de história, a cidade foi crescendo para além das fronteiras do Porto, e se distanciando desta importante conexão histórica e cultural com a região e o entrono do Rio Cuiabá. De fato, a região hoje se encontra com uma infraestrutura degradada, com casarios históricos em mau estado de conservação e pouca atratividade ao turismo, a despeito de ali existirem alguns dos principais patrimônios históricos de Cuiabá”.

A revitalização da região do Porto, na avaliação de Taques, passa necessariamente pela imediata reconexão da cidade com o rio Cuiabá, a ser iniciada pela revitalização da avenida Beira Rio (Manoel José de Arruda), no trecho compreendido entre a avenida XV Novembro e a avenida Miguel Sutil.

O projeto compreende a criação de um parque linear ao longo da avenida, com a instalação de ciclovia, pista de corrida/caminhada, infraestrutura sanitária (banheiros/bebedouros), integração do Museu do Rio e do Aquário Municipal ao entorno e, na região da Praça do Porto (avenida XV de Novembro), a concepção de um espaço multiuso para realização de eventos culturais, comercialização da produção artística local, shows e outros, e reforma do Obelisco ali existente.

A facilidade de acesso à região, em especial após a conclusão da implantação das obras de mobilidade urbana em Cuiabá – com o VLT ligando as regiões mais populosas e o aeroporto ao Porto com transporte eficiente e de grande capacidade – amplia em muito a atratividade da região ao turismo, com foco na cultura e monumentos históricos. (Com Assessoria)a

http://reportermt.com.br/ANDRÉA HADDAD

BY TURISMOMT

NOVA ARTE TURISMOMT RGB

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: