Turismo de negócios está em alta na cidade de São Paulo

 

Turismo de negócios é o principal motivo para passar por São Paulo

No aniversário de 458 anos da cidade, São Paulo tem muito que comemorar e por esperar, tendo em vista a grande leva de turistas brasileiros e estrangeiros neste ano.

Mesmo com inúmeras atrações de lazer e entretenimento na cidade, além de praias renomadas no litoral do estado de São Paulo, a principal motivação das pessoas que vêm para a cidade continua sendo negócios.

A informação é de Luciane Leite, diretora de turismo do São Paulo Turismo (SPTuris).

Luciane destacou que informações preliminares do Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo dão conta que os números de 2011 não foram muito diferentes do ano anterior.

Levantamento da entidade mostrou que no primeiro semestre de 2011 o motivo predominante da viagem de hóspedes em hotéis foi negócios, com 43,7% de participação, enquanto a categoria eventos respondeu por 27,5%.

Em terceiro lugar ficou o lazer, representando 12,5%.

Os números consolidados de 2011 estão em fase final de compilação e deverão ser divulgados em breve.

“Esse é o turista que fica em São Paulo para reuniões, eventos, congressos, entre outros. Cerca de 51% deles vem para negócios, enquanto 25% para eventos, é o que chamamos de turismo de negócios, essa é a vocação natural da cidade e isso não tem perspectiva de mudança“, analisou a diretora de turismo do SPTuris.

Ela destacou que o turismo de negócios na cidade está tão em alta que por cinco anos seguidos ficou em primeiro lugar no ranking do International Congress and Convention Association (ICCA) dos lugares que mais recebem eventos.

A liderança, no entanto, foi perdida no último ano para Buenos Aires.

O interessante é perceber, segundo dados da SPTuris, que 82% dos turistas que vem para São Paulo são brasileiros, enquanto 18% são estrangeiros.

Já em relação a quantidade de turistas, em 2010 foram 11,7 milhões de pessoas que passaram por São Paulo, e os números de 2011 devem superar os 12 milhões de turistas, estimou Luciane.

“Os visitantes aumentaram, mas os gastos deles também cresceram e as expectativas continuam de expansão”, disse a diretora.

A diretora justificou sua afirmação avaliando que o setor de turismo gerou uma arrecadação de R$ 158,7 milhões em 2010, no âmbito do Imposto sobre Serviços (ISS), na categoria Turismo, e a estimativa é que essa receita tenha ficado próxima de R$ 200 milhões em 2011.

A pesquisa mais recente apontou que os gastos de viagem do total dos turistas são maiores que os obtidos em 2009 e equivalente à 2010, ou seja, um valor médio no período da viagem de R$ 1.263,81, correspondendo a uma média diária de R$ 405,06.

A executiva estima que a média de ocupação nos hotéis de São Paulo em 2011 tenha ficado em torno de 70% em 2011, contra 68,5 % em 2010. “A tendência é continuar crescendo”.

Déborah Costa

http://www.brasileconomico.com.br/

BY TURISMOMT

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: