Precisamos de maior competitividade no turismo

A situação do turismo brasileiro ( na visão do presidente do Grupo Serson e vice-presidente de Relações Institucionais do Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil, Julio Serson) chamou a atenção do segmento turístico. Em sua avaliação, o turismo mundial está crescendo cada vez mais e isso se deve, principalmente, à competitividade do setor e  melhoria dos sistemas de emissão e recepção de turistas. É preciso reconhecer que diante da tendência internacional, o nosso país mostra que ainda estamos atrasados, numa comparação de que sua locomotiva turística continua sendo  a velha maria-fumaça, movida a lenha. 

Serson indica que o Brasil representa cerca de 4% a 5% do PIB global, mas fica com apenas 0,7% das receitas geradas pelo setor turístico no mundo. O movimento de turistas estrangeiros aqui permanece praticamente estagnado há uma década, diante de um crescimento mundial acumulado na faixa de 40%. Ele informou que recebemos cerca de 5 milhões de turistas estrangeiros por ano  e apontou o seguinte quadro: França, 76 milhões; EUA, 59,7 milhões; China, 55,7 milhões; Espanha, 52,7 milhões; e Itália, 43,6 milhões de visitantes. Isto mostra a grande diferença do nosso quadro. Segundo ele, o desempenho é preocupante porque está muito abaixo do que se pode esperar de um país com tantas condições favoráveis. Relacionamos a natureza exuberante, a cultura rica, a diversidade étnica, a culinária e a hospitalidade brasileira.

Diante dessas vantagens, deveríamos, sim, apresentar resultados mais expressivos, empregar mais e investir mais. Outro fator que chamou atenção é que, no ano passado,  esse mercado movimentou quase US$ 1 trilhão no mundo. O Brasil recolheu apenas US$ 6 bilhões.  Além disso, os brasileiros que viajaram para o exterior gastaram US$ 16 bilhões. Registramos um déficit de US$ 10 bilhões, que significa algo como 16 mil empregos que perdemos aqui e exportamos para outros países.

Conforme dados do Fórum Econômico Mundial, este ano o Brasil caiu da 45.ª para a 52.ª posição no ranking de competitividade em turismo, ocupando, desta forma,  só o 7.º lugar nas Américas.  O nosso país lidera a pontuação no que se refere a recursos naturais, é o 23.º em recursos culturais e o 29.º em sustentabilidade ambiental.

Ainda de acordo com o levantamento, o câmbio supervalorizado estimula as viagens de brasileiros para o exterior, mais baratas, e atrapalha a vinda de estrangeiros. O real é, hoje, uma das moedas mais valorizadas do planeta, por causa das estratosféricas taxas de juros que atraem o capital externo em busca de lucros fáceis. Se tivéssemos abundância de capitais aos juros que americanos e europeus têm, daríamos de 10 a 0 nas empresas deles.

 O Fórum aponta que a questão dramática ainda é a carga tributária. Hotelaria e turismo detêm a incrível marca de mais de 40 itens de tributos. Indica que falta uma infraestrutura moderna e que faltam os investimentos necessários em estradas, ferrovias, portos, aeroportos, energia, transporte urbano e saneamento.

Os gargalos nos transportes, especialmente aeroportos, são os fatores que impedem o crescimento do número de turistas estrangeiros. Com relação ao setor hoteleiro, há carência de mão de obra qualificada para proporcionar ao turista estrangeiro a satisfação que ele espera quando escolhe seu destino. Concordamos que há muito para ser feito. O desenvolvimento e a valorização do setor turístico também dependem da sociedade civil organizada.

Oiran Gutierrez– presidente do Sindicato das Empresas de Tursimo  (Sindetur), diretor da Federação Nacional de Turismo (Fenactur) e membro da Confederação Nacional de Turismo(CNTUR).oirangutierrez@hotmail.com

http://www.circuitomt.com.br/

By TurismoMT

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: