Expoagro de Cuiabá explora, frustra e decepciona público

O que uma exposição agropecuária deveria visar? Fechamento de negócios? Exposição de produtos novos para os setores agrícola e da pecuária? Prospecção de mercado? Qualquer uma das opções acima está correta. Então, a dúvida que fica é por qual motivo levar milhares de pessoas das classes média e baixa ao parque de exposição que não são o público dessas empresas? Mas antes de responder a essa questão vamos analisar o que aconteceu na 47ª Expoagro de Cuiabá, que terminou no domingo (17).

Atraídos por uma publicidade de ser a melhor e maior feira já vista no Estado e com 10 shows nacionais, milhares de pessoas visitaram o parque de exposição e caminharam entre ruas esburacadas, poça de água (mesmo sem chover), estrutura deficitária, um fedor de esgoto em algumas pontos e poucos atrativos como restaurantes.

O que se via eram barracas de coquetéis, estandes vazios e um parque de diversão que deixou a desejar. Bom, somado a tudo isso, vamos acrescentar uma entrada ao preço de R$ 50. Mas, para muitos que economizaram para conseguir comprar um ingresso, o objetivo único e exclusivo era assistir aos shows. Muitas das atrações artísticas não chegaram a lotar a arena, assim como o show de abertura com a cantora Cláudia Leite.

 No último sábado (16) a frustração foi geral, pelo menos para aqueles que não conseguiram nem ao menos chegar próximo à arena. O parque ficou superlotado, todos atraídos por um único motivo: ver a dupla sertaneja Fernando & Sorocaba. A confusão foi geral e um empurra-empurra de policiais militares que tentavam conter os ânimos e evitar um possível tumulto daqueles que insistiam em entrar na espaço já lotado, para tentar ver ao menos o chapéu de um dos sertanejos. O que gerou muita irritação é que até o telão que estava localizado do lado de fora da arena foi desligado na hora do show.

A consequência disso foi pessoas passando mal e revoltadas. Muitos procuram a administração e organizadores da festa, na tentativa de receber de volta o dinheiro investido, mas nem sequer alguém conversou com eles. Eu ouvi de muitos, que estavam, como eu, na fila para falar com algum responsável, que a ganância e a falta de respeito foram as marcas da festa. Relatos de mulheres agredidas por quem fazia a segurança do local ecoaram na portaria do evento, mas os poucos funcionários uniformizados com a camisa dos organizadores apenas diziam que o assunto não era com eles.

Analisando legalmente a situação, qual a expectativa do público presente à feira? Digo do “povão” e nessa eu me incluo? A resposta é muito simples: assistir ao show. Então essa era a obrigação dos organizadores, oportunizar para quem pagou a entrada pudesse ver e ouvir os cantores. Fica a dúvida: cabe indenização a essas pessoas? Talvez até por isso que a produção do evento não forneceu a quem entrasse no parque nenhum ticket, pois teria como comprovar e ajuizar uma ação judicial requerendo os danos causados pela propaganda possivelmente enganosa. 

Bom foi para aqueles que estavam alí para fazer negócios ou tinham uma condição financeira privilegiada, porque compraram os ingressos para camarote e área vip ao preço que variou entre R$ 60 a R$ 390. A festa era para eles e não para as classes média e baixa. O que não saiu caro, já que puderam ver o show de pertinho e com bebida à vontade. 

Já 99% do público presente tiveram que pagar R$ 4 por uma latinha de cerveja ou refrigerante com direito a apenas ouvir o show. A conclusão da massa foi uma só: melhor ter ficado em casa e colocado o DVD para assistir. Agora respondendo a pergunta que fiz acima, o motivo de levar tanta gente à feira foi um só: aumentar as estatísticas de público presente e a conta bancária daqueles que organizaram o evento.

Laíce Souza é jornalista, editora-chefe e apresentadora do RDTV

http://rdnews.com.br/

 

Comente!

 

By TurismoMT

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: